| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • Buried in cloud files? We can help with Spring cleaning!

    Whether you use Dropbox, Drive, G-Suite, OneDrive, Gmail, Slack, Notion, or all of the above, Dokkio will organize your files for you. Try Dokkio (from the makers of PBworks) for free today.

  • Dokkio (from the makers of PBworks) was #2 on Product Hunt! Check out what people are saying by clicking here.

View
 

grupo3

Page history last edited by Fernanda Ledesma 9 years ago

"Nos passos de Magalhães"


Homepage | O autor e o livro | Grupos | Fases da atividade | Tutoriais |


10º B 

Grupo 1 | Grupo 2 | Grupo 3 | Grupo 4 | Grupo 5 | Grupo 6 | Grupo 7 | Grupo 8 | Grupo 9 | Grupo 10 | Grupo 10(2) | 


 

Apresentação Gráfica

 

 

 


Pesquisas do grupo

 

Grupo: Ana Farto nº3

          Inês Santos nº14

          Inês Brandão nº15

 

Tema do trabalho: Em Portugal 

 

Magalhães:

 

--> Percurso 

--> Relação com a corte /D. Manuel 

 

 

 


 

Cadilhe:

-->Os primeiros passos

-->A injustiça

 

 

 

 

 

 

Objetivos


 

Conhecer e dar a conhecer a relação que Magalhães tinha com a corte e com D. Manuel e o percurso que o mesmo fez (tendo sempre em conta portugal: partidas/regressos...) Comparar esse mesmo percurso com os ''primeiros passos'' que Cadilhe deu e a injustiça que sentiu por Magalhães não ter o reconhecimento merecido (continuamos a pensar em Portugal!!!) 

 

 

Cadilhe:

O seu fascínio pelo navegador português fê-lo percorrer vários países e oceanos.

Depois de algum tempo a investigar o navegador, propôs o projeto ao Expresso. Depois deste aceitar a proposta, Cadilhe tentou perceber os custos das viagens. Como eram enormes, decidiu comprar um bilhete de avião RTW (bilhete de volta ao mundo). Foi convidado pelo Navigator para desenvolver um projeto que previa a visita a várias instituições de ensino espalhadas pelo mundo, que tinha como contrapartida o suporte financeiro da viagem. Com a viagem planeada, parte de Sabrosa com uma mochila às costas. Enquanto anda pelas ruas, observa algumas fachadas brasonadas. Vê uma placa que indica que chegou à casa natal de Fernão de Magalhães. Na placa dizia :''1480-1521 Homenagem ao Ilustre Navegador Português. Primeiro Ocidental que pisou terras chilenas.''. Ao ler isto, sorri com alguma tristeza. Acha injusto que em Portugal só haja uma placa (colocada pela Embaixada do Chile) a homenagear Magalhães. Num país longínquo há o orgulho e carinho que os portugueses não têm pelo navegador. Esse país, Chile, conta com uma das mais prestigiadas universidades '' Universidad de Magallanes''. Em Portugal existe uma ou outra avenida e uma estátua (que nada mais é do que uma réplica da que se encontra na cidade chilena de Puerto Arenas).

 

Percurso: Sabrosa, Portugal

               Mombaça, Quénia

               Malaca, Malásia

               Cochim, Índia

               Azamor, Marrocos

               Rio de Janeiro, Brasil

               Patagónia, Argentina

               Guam, Micronésia

               Cebu, Filipinas

               Mactán, Espanha

 

 

Magalhães:

Nenhuma certeza existe sobre o lugar ou data de nascimento de Magalhães. Provavelmente nasceu em 1480, em Sabrosa (norte do país). Sabe-se que terá crescido em Lisboa.

Magalhães, quando atingiu a puberdade, mudou-se para Lisboa onde teve uma educação privilegiada, visto que estava ao serviço da rainha D.Leonor.

Em 1495, morre D.João II. Uma parte da corte insistiu que o trono fosse ''entregue'' a D.Jorge (filho do rei); outra parte achava que deveria ser entregue a D.Manuel (primo do rei). Alguns historiadores dizem que a família Magalhães apoiou D.Jorge (que veio a perder a corrida ao trono) e por isso D.Manuel poderá ter guardado rancor para com a família, visto que se mostrou sempre muito hostil a todos os pedidos e projetos que Magalhães lhe apresentou. Mostrou sempre uma profunda antipatia por Magalhães.     

 

A 25 de Março de 1505 parte para a Índia.

A 14 de Agosto de 1505 segue para Mombaça, no Quénia

Em Janeiro de 1507 vai para Ilha de Moçambique, em Moçambique

Agosto de 1509 encontra-se em Malaca, na Malásia

Outubro de 1510 fica em Cochim na Índia

Em 1513, regressa a Lisboa onde se encontra sem dinheiro nem trabalho, depois de D.Manuel lhe recusar o pedido de aumento de pensão.

Em 1517, vira costas a Portugal devido ao rancor guardado para com D.Manuel e por estar na miséria.

Segue para Azamor, onde permanece 2 anos.

A 21 de Setembro de 1519 parte numa das maiores e mais importantes expedições de sempre. Nessa expedição, Magalhães é o 1º Homem a explorar o Sul da América; descobre uma ligação entre o Atlântico e o Pacífico (hoje conhecida como Estreito de Magalhães); atravessa o Pacífico e dá-lhe esse mesmo nome; descobre a localização das Filipinas e prova que a Terra é redonda.

A 13 de Dezembro de 1519, chega ao continente Americano e batiza por Baía de Santa Lusía, a baía onde atraca.

Segue depois para o Rio de Janeiro, no Brasil.

Parte para S. Julian. Depois de 2 meses sem avistar qualquer presença humana, encontram um indiano cujos pés eram enormes. Então batizaram o local onde estavam por Patagónia, terra dos patagões.

Magalhães pensava que atravessar o Pacífico não iria demorar muito tempo pois este era ''pacífico'' (apenas por onde Fernão navegou). Mas, acabou por levar 4 meses a atravessar o maior oceano.

A 6 de Março de 1521, chega a ilha de Guam na Micronésia.

Levou poucos dias a implementar o cristianismo e a criar uma relação de amizade com a corte e com o rei. No dia 31 de Março do mesmo ano, Magalhães ergue uma cruz durante a missa de celebração da Páscoa na ilha Limasawa.

Em Cebu, nas Filipinas, converte a família real e centenas de habitantes ao Cristianismo.

Nesse mesmo ano ,1521, numa batalha em Mactán, nas Filipinas, são cometidos vários erros graves como por exemplo serem apenas 50 espanhóis contra entre 2000 e 3000 nativos, ou até mesmo terem a retaguarda desprotegida. Os nativos começam a atacar, Magalhães fica para trás para cubrir a retirada dos seus homens. Os espanhóis fogem, derrotados. Fernão de Magalhães jaz morto naquela praia.

 

DAQUI FICA O ESSENCIAL PARA PERCEBERMOS O QUE O FAZ SAIR E REGRESSAR/VIRAR COSTAS.

 

 

Mudanças em Portugal

 

Nos anos que se seguiram à subida ao trono de D. Manuel, Magalhães assiste à grande mudança da capital. Antes era uma capital comedida, com uma governação “low-profile” de D. João II, agora passou a ser uma capital perdulária e ostentadora. A corte deixa a colina do castelo, invade o espaço ribeirinho e volta-se para o mar; todas as intervenções manuelinas se expõem sobre o Tejo. 

Nessa altura, Magalhães assiste a todas essas transformações; o Palácio Real é agora no Terreiro do Paço, a Torre de Belém e o Mosteiro dos Jerónimos começam a ser construídos durante a altura que ele se encontra ao serviço da coroa portuguesa.

 

Cadilhe em Lisboa

 

Cadilhe começa a sua visita de uma Lisboa antiga pelo Museu Nacional do Azulejo, que se encontra integrado na igreja da Madre de Deus. Segue para o segundo andar, onde se encontra um famoso painel que mostra a capital antes do terramoto. Cadilhe mostra-se comovido ao encontrar um testemunho de Lisboa precisamente na arte pictórica.

 

 

Pormenor da Vista de Lisboa - Paço da Ribeira   

   Grande panorama de Lisboa

   Paço da Ribeira

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ele vê vários estrangeiros apinharem-se na sala do museu para ver o painel, e pensa na sorte que esses turistas têm quando chegam à capital e a olham com frescura e admiração de ver um sítio novo. Mas apesar de Lisboa ser provavelmente mais bonita, luminosa, temperada e cenográfica do que qualquer outra capital de média dimensão do mundo inteiro, Cadilhe acha que essa frescura já está gasta.

 

 

 

Comments (8)

ana.sancho@djoaoii.com said

at 2:04 am on Mar 22, 2013

Sobre Magalhães:
Em Portugal - Nasce - vive até...
Sai - Volta - Sai - Volta... Quando? Porquê?
Sobre Cadilhe:
Que contactos tem? O que vê? que conclusões? (com citações)

ana.sancho@djoaoii.com said

at 4:28 am on Mar 26, 2013

O vosso trabalho deve centrar-se em tudo o que acontece em Portugal!
Magalhães passa a infãncia e a adolescência em Portugal. depois vem algumas vezes a Portugal. O que encontra? O que acontece?
Queremos saber como era Portugal!!!

ana.sancho@djoaoii.com said

at 4:31 am on Mar 26, 2013

Cadilhe e Portugal - onde vai? com quem fala? o que vê? o que ouve? o que comenta sobre Portugal e Magalhães? que comprações faz com o que o mundo "deu" a Magalhães'

ana.sancho@djoaoii.com said

at 3:35 am on Mar 27, 2013

Continuem.
É preciso fazer síntese e elaborar a apresentação (escolham a que acharem mais atraente!)

inesfilipa2811 said

at 4:05 am on Mar 27, 2013

Professora temos estado a fazer a apresentação no prezi... colocamo-la aqui?

ana.sancho@djoaoii.com said

at 4:59 am on Mar 27, 2013

Se acharem que é util para vocês, podem colocá-la aqui.
Se querem fazer surpresa, deixem para o dia em que todos vamos vê-la(aqui fica muito exposta...)
Independentemente diso, podem sempre fazer perguntas/colocar dúvidas.

ana.sancho@djoaoii.com said

at 4:37 am on Mar 28, 2013

Lembrei-me de algo que pode interessar-vos; se fizerem questão que eu veja a vossa apresentação, enviem-ma por mail.

inesfilipa2811 said

at 11:44 am on Mar 28, 2013

ok professora.. obrigada. Quando acabarmos de fazer o prezi, mandamo-lo por mail.

You don't have permission to comment on this page.